segunda-feira, 19 de outubro de 2009

SENSIVEL, EU????

Hoje deu-me um ataque de choro aparvalhado. Entrei em casa do lindo e ele ainda não tinha chegado. Em cima do balcão cozinha estava uma caneca vazia, com um pacote de chá por usar dentro dela e um papel enrolado lá dentro que só dia

- És o milagre que se tornou a minha vida.

E pronto, chorei e lavei alma até ele chegar e me encostar á parede e me beijar até perdermos o fôlego. Quando me deitou na cama só me dizia, que este seja a primeira e ultima vez que te faço chorar, mesmo que seja por uma coisa boa.

3 comentários:

Catarina disse...

Oh, meu deus. Não pode ser? Lá está, isto é tão utópico que me leva a pensar será que isto aconteceu, ou é ela que tem jeito para a escrita?
Independentemente da resposta, adorei este momento.

pinguim disse...

Há coisas impossíveis de comentar...

Diana Barbosa disse...

Tens selinhos à tua espera :D no Refugio dos Livros http://refugio-dos-livros.blogspot.com